Intensidade ou Insanidade? - 3ª Parte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Intensidade ou Insanidade? - 3ª Parte

Mensagem  cupertino em Sab Abr 16, 2011 10:10 pm

Dor! Dor!! Dor!!! Por que será que isso é assim, em uma vida cheia de
sofrimentos e dificuldades, alguns de nós levamos isto ainda adiante
infligindo a si próprios ainda mais dores? Conforme eu me sento aqui e
olho para trás até a era Michalik, não é difícil entender por que eu me
sujeitaria a tal tortura. Minha perseverança originou-se de querer
vencer, o desejo de tornar-se um campeão.

Todos nós temos isso
sepultado em algum lugar em nosso interior. Todos nós temos o desejo de
realizar nossas metas. Às vezes nós damos desculpas para nossas falhas.
Mas não há desculpa alguma. Um campeão é um campeão, e nunca sucumbirá
aos obstáculos que são lançados em seu caminho.



O Mr. America´s Gym

Michalik
rola pelo chão do ginásio um par de halteres de 27 kg para alguns flyes
inclinados. Eu conheço a rotina. Três bancos, três exercícios, todas as
séries até o fracasso. Super-séries ininterruptas de esfolar o rabo.
Steve começa com praticamente 135 kg no supino inclinado no Smith
Machine. Ele procede então ao segundo banco para completar uma série de
flyes inclinados, e finalmente, no último banco pulôver com um haltere
de 45 kg.

Ele move-se metodicamente como um cyborg em uma missão.
Eu posso vê-lo ao largo pelo canto do meu olho, no meu caminho até o
banco de flyes. Ele é indestrutível, mas eu não posso reduzir a
velocidade ou perder o ritmo porque dentro de minutos ele circulará ao
meu redor e me humilhará.

Eu percebo agora que eu não tenho
treinado neste nível desde que eu me afastei do Steve anos antes. No
terceiro ciclo de exercícios eu me sinto exausto e eu começo a entrar em
pânico. Ao mesmo tempo em que o medo começa a se apoderar de mim,
Michalik grita, "Venha, olhe para você! Seu patético pedaço de merda. Em
qual inferno você esteve nestes últimos dois anos? Sentando em sua
bunda comendo nachos"?

Rapaz...! agora eu estou irado e eu
consigo encontrar energia e tripas para acionar meu corpo no modo nitro.
Neste momento eu devo ter perdido totalmente a minha cabeça porque eu
me lembro de gritar, "Venha! Me mande para a sepultura se você pensa que
consegue... Apenas tente me mandar de novo para o hospital. Você será
aquele que não estará guiando a ambulância Mr. Campeão!" Oh, merda! Eu
não posso acreditar nisso. Essas palavras na verdade saíram da minha
boca. Eu comecei a parecer um clone do Michalik.



Conforme
eu permaneço sentado aqui e me lembro daquele momento, eu desejo saber
quantos neurônios foram perdidos do meu crânio quando eu nasci. Muitos
para serem contados, eu imagino. "Masoquismo - n. uma condição na qual o
prazer do indivíduo está em ser agredido ou humilhado". "Masoquista -
n. John DeFendis".

Michalik tinha razão. Eu era um mesmo um
garoto atrevido e convencido. Mas neste momento, eu era um garoto
atrevido e convencido que estava a ponto de atingir o auge de uma vida
toda.

Minhas frases patéticas abasteceram o insano. Sua face já
distorcida ficou ainda mais, dadas a ira e a fúria, desbancando as
costas do Freddy Krueger. Ele me agarrou e me lançou para cima da
máquina de pec dec.

Então ele começou a mover-se freneticamente
ao redor, tirando fora os pinos de várias máquinas do ginásio. Não levou
muito tempo para entender o que estava a ponto de acontecer em breve.
Eu preví dor e sofrimento adiante.

Ele posicionou estrategicamente os pinos na pilha de pesos, todos os cinco.
A
primeira série seria com a pilha inteira, e conforme eu atingia o
fracasso completo com cada carga, Steve me obrigava a fazer um par de
repetições forçadas antes que ele retirasse o pino. A dor era
insuportável. Eu queria desistir depois da terceira regressão, mas eu
sabia que essa não era uma opção. Desistir seria morrer. Quando eu
finalmente completei a série, parecia como se horas tivessem passado,
mas tinham sido apenas minutos. Agora, era a vez do Mestre.

Eu me
deliciaria completamente com os momentos que se estenderiam à frente. A
dor dele seria agora o meu alívio e felicidade. "Sadismo - n. obtenção
de prazer em se infligir dor a outro". "Sádico - n. John DeFendis e
Steve Michalik". Michalik detonou repetição após repetição. Ele fez isto
parecer fácil no princípio mas começou a fazer caretas depois que ele
completou a segunda série.

Depois de sua última repetição em
cada série, eu arrancava o pino fora rapidamente de forma que ele não
conseguisse sequer um segundo para descansar. Eu queria que ele
morresse, de forma que eu pudesse ir para casa um vencedor. Certo,
talvez eu devesse ter ficado contente apenas por ir embora vivo e
inteiro.



Antes que passasse muito tempo eu encontrei a
mim mesmo de volta à máquina. "Voltando para a segunda rodada", gritou
Michalik. Eu sabia que seriam cinco rodadas. Este era um dos favoritos
de Steve. Ele não estaria contente até que eu já não pudesse me mover.
Ele queria me ensinar uma lição através da aniquilação.

Finalmente, eu completei minha última série. Eu me lembro de sussurrar para eu mesmo, "Caia fora dessa porra de máquina!"

Como
sempre, havia uma multidão de entusiasmados alunos do Michalik que
ficavam ao redor esperando para ver se eu falharia ou desistiria. Em
todos os anos em que Michalik treinou aspirantes a campeões, havia
apenas uns poucos seletos que conseguiam continuar. A maioria deles está
hoje em quartos isolados de hospitais para doentes mentais. Se você
chegar perto o bastante, você até mesmo poderá ouvi-los gritar, "Chega,
eu não posso fazer outra repetição. Agora me deixe ir para casa!"

O
Treinamento "Intensidade ou Insanidade" não foi apenas um método de
treinamento que me permitiu tornar-me um campeão, mas foi uma época que
não pode e não será duplicada.

Esta foi uma era quando a maioria
dos fisiculturistas confiava em treinamento balístico e animalesco para
ficar grande e forte. Os fisiculturistas utilizavam nutrição e
vitaminas para fazer progresso e suplementavam com um mínimo de
esteróides para sobreviver aos treinamentos torturantes.

Agora,
com drogas tais como hormônio do crescimento e IGF-1 acessíveis, os
fisiculturistas de hoje constantemente ficam chorando "overtraining".
Com o uso e o abuso de esteróides correndo em excesso, eu sinto que as
reclamações sobre overtraining da parte de um "Campeão" jovem, forte, e
super bombado não tem justificativa. Mas isso é apenas a minha opinião.
E, nós todos somos reconhecidos pelas nossas opiniões, ou não somos?!



Por: John Defendis





___________________________________________________
SEJA GRANDE, SEJA FORTE, SEJA BIGMONSTRO Twisted Evil




cupertino
MODERADOR MASTER
MODERADOR MASTER

Mensagens : 1430
Data de inscrição : 27/03/2011
Idade : 31
Localização : Templo Gym

http://www.bodynet.com.br/bigmonstro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum