Você usa super séries no seu treino?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Você usa super séries no seu treino?

Mensagem  Helcio em Seg Fev 04, 2013 10:06 am

Você usa super séries no seu treino?
Se sim, gostaria de compartilhar algumas de suas combinações e segredos?
Eu não tenho nenhum segredo. As pessoas vêem eu treinando meus alunos todos os dias, de modo que hoje em dia nenhum segredo seria mantido, e seria muito fácil repassar minhas rotinas através de pessoas, vídeos e até celulares!

Eu uso super séries, principalmente perto de competições, sinto que elas são uma ótima maneira de esculpir um pouco mais detalhadamente a musculatura. Mas eu sinto que usá-las demais não seria uma boa idéia na busca da hipertrofia ou aumento de massa.





Como você sabe, super séries são definidas como a maneira de executar séries de dois exercícios diferentes sem descanso entre eles. Tipicamente, elas envolvem dois exercícios para o mesmo grupo muscular, como rosca direta e rosca concentrada ou agachamentos e passadas a pé para quadríceps ( o que não é indicado para os fracos de coração). Em outras ocasiões, super séries são feitas com exercícios para grupos musculares opostos ou antagônicos, como costas e peito, ou bíceps e tríceps.

Diversos bodybuilders gostariam de fazer isto para os braços, pois permite que todo o braço seja treinado, ao invés de apenas o bíceps ou tríceps. Um último tipo de super série realiza um movimento de isolamento para um grupo de músculos, imediatamente seguido por um exercício composto. Os exemplos podem incluir extensões de perna e leg press para quadris, pec deck e supino para peito, ou elevação lateral e desenvolvimento para os ombros.

Usados ocasionalmente, todos estes tipos de super séries podem ser eficazes em aumentar a intensidade. Mas se você usá-los muitas vezes, corre o risco do overtraining. Outra coisa que não gosto de fazer é um monte de super séries no off-season, porque eles limitam a quantidade de peso que você pode usar.

Embora não seja tão severo com grupos musculares opostos, super séries envolvendo dois movimentos para o mesmo grupo muscular, invariavelmente, significam que você é forçado a usar menos peso no segundo exercício do ciclo. Séries pesada são básicas e ainda são a melhor maneira para construir massa muscular.





Quanto à sua questão do tempo, você deve ser capaz de trabalhar uma parte do corpo em pouco menos de uma hora, enquanto você se move rapidamente e não perde tempo. Para isso você pode usar fones de ouvido se tende a ser pego batendo papo e em vez de fazer constantes visitas ao bebedouro, levar uma garrafa de água com você.
Grandes partes do corpo, como costas e pernas podem obter um ótimo resultado com super séries 3-4 e 4-5. Não há nenhuma razão para você não poder fazer isso em uma hora, assim como para os grupos musculares menores, que não devem levar mais de 30 minutos.

Recentemente li o livro de Mike Mentzer sobre treinamento pesado refletindo sobre a sua aplicação. Basta saber se você já tentou isso ou tem vontade de fazê-lo. Não quero falar mal, mas simplesmente nunca senti e ainda não acredito que tais treinamentos breves fornecem estímulo suficiente para provocar o crescimento muscular.

Mike Mentzer era um grande crente na superioridade das máquinas, mas até hoje, eu ainda não encontrei uma única pessoa que tenha construído um físico excepcional usando apenas máquinas. Barras podem ser “antiquadas”, mas nunca se tornarão obsoletas como ferramentas para a construção muscular, elas vêm funcionando muito bem por décadas.

Outra questão que eu via, assistindo clientes de Mike, era que eles treinavam extremamente pesado em movimentos como agachamentos, mas somente iam até a metade do movimento. Sempre acreditei que um ciclo completo do movimento é o melhor caminho para treinar um músculo de forma eficaz, lembro-me de falar com um de seus antigos clientes, que casualmente mencionou que ele poderia agachar 600 quilos. Claro que ele poderia abaixar uns 15 cm com esse peso. Mas, quando partiu para o movimento completo, não conseguiu fazer uma única repetição com 405kg, e suas pernas certamente não pareciam nada de especial.

A última questão que eu tinha com os ensinamentos de Mentzer era que ele pouco considerava o valor da nutrição. Ele tinha alguma fórmula matemática, com a qual alegou que só precisava de uma pequena quantidade de calorias extras por dia para alimentar o crescimento muscular. O que descobri é que quando a maioria dos fisiculturistas não ganha volume é porque normalmente não estão comendo o suficiente.

Helcio
ATLETA

Mensagens : 33
Data de inscrição : 02/02/2013
Idade : 52
Localização : Curitiba

http://pequenomamute.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum